sexta-feira, abril 10, 2015

A vida é como um marinheiro a navegar, umas em marés calma e outras em ondas que pensamos não poder derrubar. Mas teimar é preciso e levar o barco a bom porto, todos nós neste momento. Nestes anos todos e já foram alguns, nunca pensei que o meu país andasse tanto a deriva e tanto para trás. Depois vejo e ouço alguns inteligentes dizerem que estamos todos muito Bem; será! Me custa a acreditar que assim seja, tenho olhos e vejo. Por isso digo, temos que remar forte todos juntos, para alcançar o tal Porto de esperança.

Lisa


2 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Uma mensagem muito bonita.
Amiga, o feed do seu blogue não actualiza.
Estava apagando blogues cujos autores não escrevem nada há mais de um ano e deparo com o seu.
Assim é difícil ser visitada.
Um abraço e bom fim de semana

tulipa disse...


E, de repente, dá-se um salto interior suficientemente grande, para entendermos que somos muito mais autores da vida do que até então suponhamos.

VERDADE!
Assim tem sido a minha Vida
naquilo que desejo e ambiciono,
luto para conseguir
e fui eu a própria autora desses momentos maravilhosos.



Um segredo:
quem me visitar dia 19 Abril - domingo,
está convidado para a festa.
http://tempolivremundo.blogspot.pt/