sexta-feira, março 13, 2015

Este blog tem falado de muita coisa, desabafos, experiências de trabalho e principalmente de vida. Sim de vida a minha, enquanto pode dei o meu melhor, por vezes sabe Deus onde ia buscar as forças para realizar o trabalho que tinha pela frente.Depois de grandes canseiras chega o dia em que temos que deixar o mesmo para as forças novas porque elas são a continuidade da vida que abraçamos.
No dia que entrei para a minha reforma parece que estou ainda  a ler a carta, foi uma alegria e disse para mim, vou dormir mais, descansar mais e fazer muitas outras coisas. Se desenganem, passados uns tempos a saudades do trabalho e toda aquela adrenalina diária, comecei a sentir falta e saudades.
Hoje sempre que posso ali vou eu a minha segunda casa,ver os colegas dar duas de conversa e renovar a amizade lá deixada.
Hoje se me perguntarem se faria o mesmo, sim com toda a franqueza. Por isso digo, tudo na vida deve ser feito com amor e empenho, o dinheiro faz falta, mas um profissional honrado e capaz, nenhum  dinheiro o paga.
Lisa



2 comentários:

Mona Lisa disse...

A vida é feita de fases.
Tudo tem o seu tempo. Temos que saber ocupá-lo, quando chegamos à fase da reforma.

É uma fase em que muito podemos fazer.

Beijinhos.

Elvira Carvalho disse...

Fiquei surpresa por encontrá-la outra vez nos blogues. Há tanto tempo que a tinha perdido de vista, julgava que o blogue estava inactivo.
Levo o link
Um abraço