sexta-feira, dezembro 28, 2012

Mais um ano a findar e pouco ou nada de mudanças, tudo permanece igual ou pior, o que tenho"medo" e muito, que as coisas se compliquem ainda mais para todos nós, assim vai o mundo e principalmente o país.
Muito se escreveu, palavras de amor, fraternidade e paz principalmente, amigos partiram outros ficaram, mas a porta vai continuar a ficar aberta em 2013 para a amizade.Que todos entrem com saúde e dias melhores do que este ano que está a terminar, mais justiça social, mais trabalho, e crianças de rosto felizes sem ter que andar de mão estendida a sorte.
Feliz Ano 2013 a todos os amigos deste blog.

Maria Elisa Ramos


terça-feira, dezembro 18, 2012

Hoje ao escrever no meu blog o meu sentimento vai para os que se encontram na miséria e solidão. Falar do Natal! é festa mais bonita para quem acredita. Veio ao mundo o salvador, para que os homens fossem irmãos, darem as mãos em paz amor, solidariedade, mas não. A maioria vive de ódio, rancor, e falta de humanidade. Outros são os judas da sociedade, sem freio nos dentes que leva a sua frente, sem olhar a meios. Depois tentam vender por míseros tostões, os pobres que pouco ou nada lhes resta, senão a sua dignidade de ser humano, assim se vive no mundo atual, gente má,  sem carácter, sem humanidade para com os mais fracos.Vejo cada dia mais gente a precisar de comer e não ter, e quem ajuda!!! os pobres, porque os tais estão muito longe da realidade da vida.
Por isso neste Natal penso muito nas crianças, já o fui e tive sonhos e pais, ao outro dia sempre encontrava um pequeno presente, mesmo que essa fosse simbólico, mas hoje depois de tantos anos e estar no século XXI continuo a ver desigualdades maiores em todo o mundo, de um lado muita pobreza, do outro a luxuria e o estragar, anda tudo as avessas sem ponta por onde se pegue. Nesta altura não quero nem devo acusar seja quem for, mas a verdade é que muitos vão continuando a fazer o mesmo, dia após dia, até que a justiça faça jus ?
Aos amigos deste blog desejo Feliz Natal e Próspero Ano de 2013 em paz e amor entre todos.
Sejam felizes



quarta-feira, dezembro 12, 2012

Como sempre e durante muitos anos sempre fiz a árvore de Natal e presépio aos quais adoro, tenho alguns que gosto muito entre os quais um muito antigo, que tive que fazer um pequeno arranjo feito por mim que ficou como novo. O mais recente ao retirar da caixa,reparo que o "Gaspar" tinha a cabeça partida, já não basta nós a termos aos bocados por causa dele, realmente foi o castigo! Partiu a cabeça a ver se emenda? Ficaram os outros, este espera a oportunidade, e a cola para tentar colocar a cabeça no lugar. Por vezes até brincamos com a situação,já não basta tirar o burro e a vaca! Mas eu não retirei, e fica como me ensinaram,quem manda na minha casa sou eu.

Lisa


segunda-feira, dezembro 10, 2012


O ser humano é imprevisível um dia é alegria
outro deixa cair os braços com medo de lutar
seja por que for, até por uma simples folha de papel 
onde escreve o que lhe vai na alma. Por vezes até penso que a fraqueza se instalou um pouco em  todos  nós.
Baixar os braços nunca será solução de nada,digo eu.
Deitar a cabeça no travesseiro e pensar que amanhã é outro dia.
Foi um desabafo somente
Lisa














domingo, dezembro 02, 2012


Tempo frio onde apetece o calor da lareira, e o olhar se desvia em mil pensamentos na claridade do lume, assim passa o dia em correria galopante.
Hoje me vieram a cabeça coisas de criança, de jovem e até já de adulto, tudo era mais "pobre", mas sem este lufa lufa dos centros comerciais, era uma época mais humanizada.O Natal se aproxima em passos largos, já algumas luzes enfeitam as ruas, para alegrar o coração de muitos.Mas daqueles que não tem casa, dos que ficaram sem pão, sem trabalho, sem esperança, de algibeira vazia, a esses não.Por muitas razões até a nossa felicidade se sente fria e vazia quando se pensa nos que sofrem e são tantos.
Como podem alguns, deitar a cabeça no travesseiro e dormir em paz consigo e com Deus, se calhar esses estão habituados a isto, quem não está sofre a dobrar, se zanga, diz disparates, e por ai fora, é assim que me sinto no momento com tanta maldade de governantes e senhores do dinheiro.
Lisa