sexta-feira, abril 27, 2012

Só passei para desejar bom fim de semana a todos que por aqui venham em paz e amizade.Neste recanto onde a amizade continuará
a fazer parte desta família que são todos os bloguistas que por aqui andam.A todos sejam felizes.























terça-feira, abril 24, 2012


Um dia virás a florescer na aurora
trarás nas bocas sedosas a esperança
o riso de uma criança, a verdade
Um dia virás, trarás a alegria aos tristes
O abraço,o canto,o peito ao vento
num dia de primavera,e asas de gaivota,
uma flor vermelha, e novo despertar de outrora


Lisa



domingo, abril 22, 2012

Neste dia da terra que um dia nos ofereceram para cuidar,mas poucos são aqueles que cuidam dela com o carinho que merece.Perante tanta coisa que lemos e ouvimos,sempre tentam em prol do dinheiro e da ganância desmedida.Um dia vamos lutar pela água, falta dos alimentos e um pedaço de terra. Se não cuidarmos a cada ano vamos assistir ao desaparecimento de animais, os fogos que cada ano são mais, vão queimar a floresta que precisamos para respirar,os gelos a derreterem, a água do mar a subir, as catástrofes  ambientais. Sei que todos nós uns mais que outros contribuem para a continuação de degradação de várias coisas, talvez porque estamos mais comodistas e ainda não pensamos em mudar de atitude a cada dia que acordamos, e olhamos no que vimos em nossa volta e pensar...vou ser diferente  e olhar o quanto é belo tudo quanto nos rodeia.


quarta-feira, abril 18, 2012

Hoje não estou com vontade de escrever poesia nem afins, já alguns dias que a minha vontade tem sido pouco. Tenho andado um pouco mal dos olhos me custa ver muita luz virada para mim, espero melhoras breves. E como disse, hoje me faltou a paciência e vou desabafar um pouco 
A minha grande vontade é desatinar perante noticias que todos nós assistimos dia a dia, do come e cala, e faz de conta. Estou cheia de ver caras larocas de ar sorridente, e ar de desdém como quem diz, agora mando eu, atacar pelas costas  quem trabalha, e leva a vida honestamente, é assim ultimamente o que é hoje não é amanhã, tenham dó e vergonha, a assembleia  com gente que só dita leis contra os que trabalham, raras excepções de alguns, que o fazem com todo o mérito e dever. Os gestores e bancos a levarem a melhor fatia, a venderem a pátria aos poucos é ver quem dá mais não importa como.Eu tenho boa memória e me lembro bem dos que fazem promessas e faltam as mesmas, mas esses a mim não me enganam,estou vacinada contra raivosos, e injustiças cometidas em prol da democracia e nem preciso de citar nomes.
Agora o que me faz pensar é onde estão todos os direitos escritos na Constituição da Republica! saúde, pão, habitação! Se calhar os deitaram ao cesto dos papeis, me faz lembrar o tempo da outra senhora...será que vai voltar,de se andar atrás dos senhores do poder de chapéu na mão,a brincarem com o povo a caridade?O povo precisa urgente de acordar de um sono pesado onde se encontra, e que mesmo não vire um dia em pesadelo para todos nós.





















quinta-feira, abril 12, 2012

É na primavera que temos um mundo aberto de flores, de vários tons e cheiros,este nosso jardim da vida que sempre se renova também, tem um pouco isso renovação em cada ano que passa.
Por tal motivo se guarda o cheiro de coisas passadas e ainda podiamos ir a descoberta dos lugares e recantos que nos fizeram sorrir e sonhar.Aquele cheiro ao pinheiro na primavera,o baloiço na carvalha grande onde se passava o Domingo rindo e sonhando,na volta para casa esperando outro Domingo.Na correria se apanhava aquelas flores silvrestres que abundavam nos campos e montes e se trazia para a mãe,um gesto bonito da nossa idade e onde os olhares dos filhos e mãe se cruzavam como um rio de águas claras e transparentes,eram assim grandes dias e tardes de tanquilidade porque tudo era simples e sem medo do que poderia acontecer.Hoje em dia até as crianças vivem em constante subresalto da vida.Sim,de um dia ao chegar a casa ver a mãe  e o pai chorar com falta de trabalho,e o que um dia era um sonho lindo se esfuma num abrir e fechar de olhos .












quinta-feira, abril 05, 2012

Páscoa é tempo de renovação de amor e paz no coração dos homens,mas cada dia vejo mais o coração de alguns ser de ferro e aço que nada os demove em prol dos que sofrem,tem dores da alma, e do corpo da vida que levam para conseguir não ser escravos dos outros homens.
Se ele morreu na cruz para salvar a humanidade,porque será que a mesma vive internamente sem a mesma...é este o meu pensamento da hora.
A todos os amigos deste blog e os que vem só ver ou ler,Feliz Páscoa em paz e amor desejo


Lisa