terça-feira, novembro 29, 2011

Abraça-me

Abraça-me. Quero ouvir o vento que vem da tua pele, e ver o sol nascer do intenso calor dos nossos corpos. Quando me perfumo assim, em ti, nada existe a não ser este relâmpago feliz, esta maçã azul que foi colhida na palidez de todos os caminhos, e que ambos mordemos para provar o sabor que tem a carne incandescente das estrelas. Abraça-me. Veste o meu corpo de ti, para que em ti eu possa buscar o sentido dos sentidos, o sentido da vida. Procura-me com os teus antigos braços de criança, para desamarrar em mim a eternidade, essa soma formidável de todos os momentos livres que a um e a outro pertenceram. Abraça-me. Quero morrer de ti em mim, espantado de amor. Dá-me a beber, antes, a água dos teus beijos, para que possa levá-la comigo e oferecê-la aos astros pequeninos. 
Só essa água fará reconhecer o mais profundo, o mais intenso amor do universo, e eu quero que delem fiquem a saber até as estrelas mais antigas e brilhantes. 
Abraça-me. Uma vez só. Uma vez mais. 
Uma vez que nem sei se tu existes. 

Joaquim Pessoa, in 'Ano Comum' 

Neste dia especial um poema especial de um poeta que gosto muito.

12 comentários:

Secreta disse...

Um dia especial? Hm... que seja então muito feliz!!!!
Beijito :)

Mona Lisa disse...

Olá Lisa

Aniversário de casamento?

Hummmmmmm...que continues a ser muito feliz.

Beijinhos.

Graça Pereira disse...

Um pedido lindo: Abraça-me e num dia especial, é o melhor que se pode pedir! Precisamos tanto, ás vezes, de um abraço, não é verdade?

Mil beijos.
Graça

Maria disse...

Querida amiga uma escolha linda para um dia realmente especial. Fazer anos é somar experiências, é aprender, é acima de viver. Desejo do coração que todos os seus dias sejam sempre especiais e plenos de felicidade.
Muito obrigado por ter comemorado comigo o aniversário do meu marido.
Um abraço bem apertadinho e um grande beijinho.
Maria

Isabel Maria Rosa Furtado Cabral Gomes da Costa disse...

Gostei muito, muito mesmo, desta pérola, que não conhecia.
Um abraço.

Agulheta disse...

Secreta.Obrigada pela visita,direi que o meu aniversário como pessoa continua a ser uma data feliz,junto dos que amo.
Beijinho

Agulheta disse...

Elisa.Para mim sempre será especial,o de casamento foi antes uns dias,e agora o meu aniversário...dois em um.
Beijinho

Agulheta disse...

Amiga Graça.Este poema é um hino ao amor,gostei tanto que tinha nesta dia escrever aqui o mesmo,nada melhor que um belo abraço de quem se ama.
Beijinho

Agulheta disse...

Amiga Maria.Como tive oportunidade de escrever no seu blog,sabe a que me refiro neste lindo abraço,é tão bom se estar com quem se ama.
Beijinho

Agulheta disse...

Isabel.Sem dúvida que este poema é lindíssimo,por esta razão escolhi para esta data.Obrigada pela visita beijinho

Sonhadora disse...

Minha querida

Um poema especial...para um dia especial e que esse dia seja um marco de felicidade...e foi uma boa escolha, eu adoro Joaquim Pessoa.


Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Maria Luisa Adães disse...

Lindo poema!
De uma beleza incontestável difícil de encontrar.

Um abraço para ti e Feliz Natal.

Eu tenho estado doente e ainda não estou bem e pouco tenho escrito, mas hoje também foi especial para ti.
Não podia deixar de agradecer tua presença e tuas palavras.

Maria Luísa