terça-feira, setembro 13, 2011

Sobre a Sombra
Era Setembro,era onde a sombra rói os ramos.Os corpos são mais jovens nas dunas
E sóos jovens podem ensinar.Por isso os procuramos,e a pergunta é sempre a mesma
como se morre?Envelhecer não é assim tão simples,por mais que digam.
Quantos dias de sol o declínio nos reserva? Por quanto tempo poderemos amá-los,a esses jovens,
Sem os ofender? Esta alegria de noutros corpos sermos ainda joventude,como guardá-la,
Sem a degradar.

Eugénio de Andrade
















Praia da Arda_Viana do Castelo.Foto minha

6 comentários:

**♥✿-franciete-✿♥** disse...

Minha querida ,Setembro o mês das vindimas, ai na sua terra é o forte, talvez que já tenham tido dias melhores, isto não tem nada a ver com o comentar seu poste, mas, me deu uma saudade dos serões do Minho e do Douro onde se cantava alegremente.

Vem Setembro
então é velas
as alegres raparigas
trepando pelas encostas
ao som de alegres cantigas.

Estes dias já com cheirinho a final de Verão com as madrugadas mais fresquinhas é uma recordação de tempos idos mas que deixam muita saudade, beijinhos de luz e muita paz...

Mona Lisa disse...

Olá Lisa

A sensibilidade de Eugénio de Andrade .

Belíssima foto. A praia como gosto...deserta, quase "selvagem"!

Bjs.

Secreta disse...

Bonita praia :)
O poema é lindo também.
Beijito.

Agulheta disse...

Obrigadas as amigas!
Franciete,Mona Lisa
Secreta.
Beijinho as três

Ale Quejinho disse...

Muita verdade nestas palavras
Ale

Nita disse...

Segui perfume e encontrei este blog.
Conhecer alguém aqui e ali……
Gostei.
Volto.

Beijo