quinta-feira, agosto 11, 2011

À uns dias atrás uma  pessoa me perguntou como se gosta da poesia! Bem fiquei um pouco confusa perante tal pergunta uma vez que a dita era muito nova,e que logo de seguida me disse que era muito "chato" ler.É por estas e por outros motivos que a vida para alguns nem tem significado...aborrecido ler?Olhe eu só gosto das revistas cor de rosa.Então eu me sentei junto dela e disse,sabe desde criança que adoro os livros,ler e até o cheiro deles eu gosto,resposta o quê o cheiro, esquisito,nunca tinha ouvido dizer que os livros tinham cheiro.Mas tem,para além de abrir as portas da vida e sabedoria,é como uma janela que abrimos de par em par e onde os sonhos vem até nós como uma melodia. E nesta troca de conversa na areia da praia,a pessoa me disse sabe eu sou sócia da Biblioteca mas só lá foi para me escrever depois jamais voltei lá.Eu lhe disse faz bem em consultar os livros, e tentar ler um pouquinho e saber mais do que é feito os sonhos e a vida.Ficou um tanto surpresa com a conversa,de seguida me disse obrigada,quando um dia nos encontrar aqui ou noutro lugar me vou lembrar sempre desta conversa que tive consigo que adorei,nunca a minha mãe me ensinou coisas assim,amanhã vou à Biblioteca e trazer um livro e tentar ler as palavras que tem significado na vida...obrigada mesmo.
Foi assim com alguém que travei conhecimento numa manhã de praia sentada num rochedo,mas que gostei de conhecer,no fim do mês vou tentar procurar a mesma senhora grande mas com cabeça de menina ainda.













Foto da net:

2 comentários:

Laura disse...

Sim, os livros têm aquele cheiro à poesia da vida, ao lugar onde são guardados enfileirados e muitas vezes nem folheados, mas, são nostalgias de quem sente...a nossa biblioteca pequena em casa dos avós, ainda tinha desses livros antigos que falavam de outras formas usavam termos diferentes mas tudo ia dar ao mesmo...

Lindaa conversa com a jovem menina, decerto não mais vaie squecer a conversa da Lisa com ela, e pela vida fora há-de recordar e quando passar numa Biblioteca, creio que vai estar atenta aos cheiros, ao sabor da leitura.

Um beijinho da laura.

Mona Lisa disse...

Olá Lisa

Sinto os livros como amigos, companhia.

Bjs.