quinta-feira, outubro 29, 2009



Praia do Esquecimento

Fujo da sombra; cerro os olhos: não há nada.
A minha vida nem consente
rumor de gente
na praia desolada.

Apenas decisão de esquecimento:
mas só neste momento eu a descubro
como a um fruto rubro
de que, sem já sabê-lo, me sustento.

E do Sol amarelo que há no céu
somente sei que me queimou a pele.
Juro: nem dei por ele
quando nasceu.

David Mourão-Ferreira, in "Tempestade de Verão"

15 comentários:

Agulheta disse...

Hoje vou ser a primeira a comentar,e nada melhor que palavras deste poeta escritor.
David Mourão Ferreira.
sobre o mar da minha paixão melhor ainda.
A quem por aqui vier agradeço. Lisa

Ana Martins disse...

Querida Lisa,
este poema é lindo e leve, parece até que nos embala!

Beijinhos,
Ana Martins

Maria disse...

Como se comentam palavras do DMF?
Um poeta que diz tanto de uma forma tão delicada...

Beijinho Lisa

Céci disse...

Lindo poema do David Mourão Ferreira!

Bjinhos

Céci

Fernanda disse...

Querida amiga Lisa,

Lindíssimo, doce e com sabor a maresia, que como tu, também adoro.

Parabéns
Beijos

Graça Pereira disse...

Belissima escolha!! É preciso ter alma de poeta...para os entender!
Um beijo e bom fds.
Graça

Agulheta disse...

Ana.Obrigada pela visita e palavras,e pela amizade sempre boa e presente.
Beijinho bfs
Lisa

Agulheta disse...

Maria. Tens razão as palavras deste poeta,nem se comentam se sentem.
Beijinho Lisa

Agulheta disse...

Céci. Como se diz,palavras para quê quando se é bom.
Beijinho bfs Lisa

Agulheta disse...

Ná. Realmente tem este sabor a maresia.
Beijinho bfs Lisa

Agulheta disse...

Amiga Graça.Eu gosto das palavras que façam algum sentido,e deste poeta igual.
Beijinho bfs
Lisa

Ana S. disse...

Belo poema. Ás vezes o cansaço é tanto que nos esquecemos das pequenas coisas que torna tudo tão belo.
Beijos

Ana disse...

Obrigada querida por estas palavras deste grande escritor que admiro muito. O poema é muito belo!
Jinhos doces,
Ana Paula

Agulheta disse...

Ana S! Agradeço as tuas lindas palavras.
Beijinho Lisa

Agulheta disse...

Ana! Sabes querida,eu gosto das palavras que me digam ao coração.
Beijinhos Lisa