sábado, maio 02, 2009

É Noite, Mãe



As folhas já começam a cobrir
o bosque, mãe, do teu outono puro...
São tantas as palavras deste amor
que presas os meus lábios retiveram
para colocar na tua face, mãe!...

Continuamente o bosque se define
em lividez de pântanos agora,
e aviva sempre mais as desprendidas
folhas que tornam minha dor maior.
No chão do sangue que me deste, humilde
e triste, as beijo. Um dia pra contigo
terei sido cruel: a minha boca,
em cada latejar do vento pelos ramos,
procura, seca, o teu perdão imenso...

É noite, mãe: aguardo, olhos fechados,
que uma qualquer manhã me ressuscite!...

António Salvado

Para a minha que já partiu,e para todas as mães,onde eu me incluo, todas merecem a homenagem de seus filhos,para mim, para ti e por todas nós,as flores que qualquer uma gosta.

18 comentários:

Carminda Pinho disse...

Um dia bom para ti, apesar...
Este poema é lindo.

Beijinho

Cöllyßry disse...

Mesmo que seja já em Espírito continua a Ser todo o dia a Mãe...

Que tenhas um bom resto de dia, amiga e parabéns por o Seres...

Terno beijo

Maria disse...

Bonitas as palavras de António Salvado, que não conhecia...
Um dia bom para ti, querida Lisa.

Um beijo

Pico minha ilha disse...

Um bom dia para si amiga.Que neste dia quer em memória ou presença seja sempre o dia de nossas mães.
Acabei de chegar de casa da minha.Beijinhos com carinho

Agulheta disse...

Carminda. Sim, com os filhos e família,é muito bom.
Beijinho

Agulheta disse...

Collybry. Mesmo assim será sempre é verdade, sou mãe com muito orgulho por os filhos maravilhosos que tenho.
Beijinho

Agulheta disse...

Maria. Com alguma dificuldade,mas consigo ler alguns poemas deste escritor,pois não encontro os livros.
Beijinho

Agulheta disse...

Salomé. Em qualquer altura é e sempre será dia das mães.
Beijinho

Laura disse...

Muito lindo o poema, muito lindo o amor d eum filho..Pena que muitos não saibam expressá-lo quando elas cá estão!...
Beijinhos a ti e que mães felizes não somos, com os nossos junto de nós, nem que seja apenas por dias...laura..

Liar disse...

Muito lindo o poema,e muito sentido.

Um beijinho muito grande para ti e uma flor linda como tu!

Céci

Anónimo disse...

Grande, grande Poema. Maravilloses sentires.

Estrela d'Alva disse...

Olá Elisa
Huum isto de chamar Elisa a outra pessoa é estranho!

Já voltei cheia de inspiração para novos posts. =)

Voltarei para comentar melhor este teu post dedicado às mães que são "Seres" fabulosos!

É que agora vou almoçar!

Beijinhos,
Estrela d'Alva

Agulheta disse...

Laura. Tu que es mãe sabes,como estes bocadinhos com os nossos nos fazem tão bem amiga.
Beijinho

Agulheta disse...

Liar. A poesia faz bem aos sentimentos,deixa me ficar calada ,se não vem a lágrima?
Beijinho Liar

Agulheta disse...

Olá bom anónimo! Eu digo assim,por vezes temos outros menso bons? mas é que se pode.Agradeço as palavras.
Abraço.

Agulheta disse...

Olá estrela D'Alva. sabes o que se costuma dizer por estes lados,não cai nenhuma ao poço?
Beijinho e bom almoço

Sônia Brandão disse...

Lindo!
Não passei dia 3 por aqui para te desejar um bom dia, mas desejo que sejam bons todos os teus dias.
Beijo.

Ana disse...

O poema é belo, as tuas palavras carregadas de doçura. ADOREI!!!
Hoje foi para mim o Dia da Mae porque fui visitar a minha, como disse no meu Blog, ficou toda feliz com um creme bem cheiroso e hidratante que comprei na farmácia e um ramito de flores que apanhei num jardim próximo do Lar onde ela está, também com um perfume maravilhoso do tipo de alecrim com florinhas pequeninas brancas (um grande arbusto encostado a um muro, com ramos até ao meio do passeio), não sei o nome. Mas separei uns galhos e dei a cada uma velhinha que estava com ela para cheirarem. Tive azar, uma delas está demente e quase comia tudo, tive que lhe tirar da boca, fiquei triste como é óbvio.
Felizmente a minha "velhinha" ceguinha tem muito juizinho e sabe tudo!
Espero que o teu dia fosse muito feliz, o meu nem por isso, ia em viagem e não estive nem com a minha filha nem com a minha mãe.
Portanto o meu dia deve ser amanhã porque vou até casa da minha filhotita.
Jinhos gandessssssss