sexta-feira, janeiro 16, 2009

Desespero



Não eram meus os olhos que te olharam
Nem este corpo exausto que despi
Nem os lábios sedentos que poisaram
No mais secreto do que existe em ti.

Não eram meus os dedos que tocaram
Tua falsa beleza, em que não vi
Mais que os vícios que um dia me geraram
E me perseguem desde que nasci.

Não fui eu que te quis. E não sou eu
Que hoje te aspiro e embalo e gemo e canto,
Possesso desta raiva que me deu

A grande solidão que de ti espero.
A voz com que te chamo é o desencanto
E o esperma que te dou, o desespero.

Ary dos Santos

16 comentários:

Maria disse...

Este é um poema mesmo em "desespero" do Ary dos Santos.
Belíssimo!
Amanhã (domingo) também terei por lá um poema dele. E já passaram 25 nos...

Beijinho, Lisa

Gilbamar disse...

Poema de forte emoção a deixar-nos fascinados, apesar do título causar uma impressão diferente do que o texto retrata.

Fraternal abraço do amigo Gilbamar.

M@ disse...

___________@@ @
____________@@@__@_@@@@
____________@@__@@_____@
___________@@@_@__@_____@
__________@@@@_____@@___@@@@@@
_________@@@@@______@@_@______@@
________@@@@@_______@@________@_@@
________@@@@@_______@_______@
________@@@@@@_____@_______@
_________@@@@@@____@______@
__________@@@@@@@@_______@
___________@@@@@@@@@@@@
___________@@@@@@@@@@@@
_______________@@@@@@@__________
@@@@@@@__________@@“ As Vezes
_@@@@@@@_________@ pedimos coisas
__@@@@@@_________@_@ para a vida
___@@@___@_______@@que ela não tem ___________@_____@__@como nos _______@@@@_@___ oferecer.
@_____@@@@@@__@_@@
____@@@@@@@___@@
____@@@@@______@
____@@_________@
_____@_________@
_____________@_@
______________@@
BOM Fim de Semana
Manuela

Anónimo disse...

Ary único. bjs cinda

Ana disse...

Ary dos Santos vai ficar sempre na nossa memória, é sem dúvida também um dos maiores poetas da língua portuguesa e autor de letras de canções que fizeram muito sucesso.
Parabéns pela escolha deste poema.
Beijinhos grandes

Laura disse...

Minha querida, Deu-me saudade de ti,entrei, e li um poema tão belo que fui logo ver quem seria o autor...maravilhosas as palvras que saem de dentro daquela alma sofrida!... Maravilhoso Poeta e cantor.
Grande beijinho e obrigada por nos deixares com este cantico dos cânticos..Adorei. laura.

Agulheta disse...

Maria! este poeta tem nas letras o nome de Abril.
Beijinho Lisa.

Gibalmar! Então quando o poeta declamava era uma beleza.
Beijinho Lisa.

Manuela! Obrigada pela flor,com palavras escrita.
Beijinho Lisa

Como disse a Cinda é único o Ary?.
Beijinho Lisa

Ana! Ele sempre ficará na memória,dos que tem boa lembranças.
Beijinho Lisa

Laura! Para as saudades aqui estou,para te dizer,és linda pelas palavras e pela tua alma boa.
Beijinho Lisa

Agulheta disse...

Aos amigos que aqui deixaram as suas palavras.

Bem hajam por serem amigos deste blog e sua dona"que o fim de semana seja bom,com carinho e amizade de uma boa amiga para vós,amanhã não venho por aqui tenho trabalho.

Beijinho todos e bfs

MARIA
GIBALMAR
MANUELA
CINDA
ANA
LAURA

Laura disse...

Olha lá, tens trabalho? tão ateia uns fogos prós lados do bairro do Picoto que eu moro cá pra baixo, a ver se aqueço um cadinho, mas que briol...beijinhos e tu é que és um encanto de muié!...laura, olha; leva um chouriçinho e assa-o nas brasas dos fogos...

Laura disse...

Hoje sai um cozidinho à portuguesa; queres?
Feliz Domingo, felizes dias, sempre. laura.

Ana S. disse...

Pois o desespero de não termos quem amamos faz disso.
Bom fim de semana :)
Beijinhos

Anónimo disse...

Olá,

Passando para conhecer seu lindo espaço e desejar uma linda semaninha e muita paz.

Smack!

Edimar Suely
jesusminharocha.blig.ig.com.br

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA LISA, MARAVILHOSO SONETO DESTE GRANDE POETA ARY DOS SANTOS... OBRIGADA PELA PARTILHA AMIGA!!!
UM GRANDE ABRAÇO DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Agulheta disse...

Laura! Pois hoje não foi cozido,mas sim bacalhau com natas e uma saladinha.
Beijinho e dá noticias.Lisa

Agulheta disse...

Ana! Por vezes será assim,por aqui se tem bom amor.
Beijinho

Lisa

Agulheta disse...

Fernanda! Obrigada minha querida,gosto deste poeta é bem a meu gosto.

Beijinho

Lisa