quinta-feira, julho 03, 2008

Ingrid Betancourt

Aqui se vê o afecto e o amor de uma mãe,de todo o seu sofrimento ao longo destes anos.As palavras serão poucas para falar deste caso,a esperança venceu sobre o ódio,o amor venceu a liberdade desta mulher a sua perseverança,o acreditar,que existe algo e muita força para lutar por um ideal,onde a coragem foi mais forte e venceu o medo,a injustiça dos homens. Nunca desmereceu,enfrentou a dor a tortura a doença,sempre na esperança de um dia encontrar a família os seu filhos e sua mãe,que foi uma verdadeira mãe coragem,para enfrentar esta dor da perda da filha.Finalmente Ingrid Betancourt,está em casa junto dos seus,com um final feliz e sem derramar sangue conseguiram tirar aos rebeldes guerrilheiros estes réfens, a outros que estejam nesta condição,a força de lutar nunca deve ficar esquecida,pois atrás de uma montanha está sempre outra com uma luz grande! Que se chama Liberdade e esperança

2 comentários:

Maria Francisca Sousa da Silva disse...

Amiga Lisa
Adorei ver este pequeno vídeo, até me emocionei!
Realmente Mãe é mãe, ela abraçou muito mais a sua mãe do que o marido!
Eu vi na Televisão, mas aqui ainda foi mais emocionante.
O que esta jovem mulher sofreu...nem nos passa pela cabeça, até teve um filho de um guerrilheiro.
Coitadinha também da criança.
Bom fim de semana.
muitos beijinhos.
ChicaIlheu

Agulheta disse...

Amiga Chica. Pois neste dia o meu coração explodiu de alegria,ao ver esta libertação,ela sofreu bastante,de muitas maneiras penso... pois esta gente está treinada para maltratar bastante,sobre ela ter um filho! pois não foi ela mas sim a que foi libertada antes dela. Mas aqui está um grande caso de vida para meditar e pensar bastante,pois ele teve sempre esperança e força de um dia de sol chegar.
Beijinho e agradeço o teu comentário Lisa