quinta-feira, junho 05, 2008

Chuva Ácida






As consequências da chuva ácida para a população humana, podem ser económicas, sociais ou ambientais. Tais consequências são observáveis principalmente em grandes áreas urbanas, onde ocorrem patologias que afectam o sistema respiratório e sistema cardiovascular, e além disso, causam destruição de edificações e monumentos, através da corrosão pela reacção com ácidos. Porém, nada impede que as consequências de tais chuvas cheguem a locais muito distantes do foco gerador, devido ao movimento das massas de ar, que são capazes de levar os poluentes para muito longe. Estima-se que as chuvas ácidas contribuam para a devastação de florestas e lagos, sobretudo aqueles situados nas zonas temperadas acidas.
Este problema e como tantos outros, neste dia Mundial do Ambiente,deveríamos cuidar e tentar tratar a nossa atmosfera do problema que é o meio ambiente.
todos os dias se vê peixe a morrer nas barragens pelas descargas poluentes,feitas a luz do dia e da noite,as serras a serem queimadas,pessoas a terem problemas de saúde de origem respiratória,por tudo isto tentar prevenir e não descriminar e tentar ensinar e ajudar,sobretudo será bastante, por menos tentar.
levar o saco para o supermercado,não vir cheio de plásticos para entupir os lixos urbanos,tentar usar menos as viaturas! mas tanbém ao preço que está a gasolina??? andar a pé faz bem a saúde e respiramos o ar da manhã.
Aqui em casa só se utiliza a viatura,para ir as compras grandes,coisas pequenas vamos os dois e trazemos,repartido pelos dois(este é um pequeno conselho claro)vamos tentar cuidar melhor da natureza,e cuidar principalmente das nossas crianças.

6 comentários:

tempoparaamar disse...

Eu infelismente tenho de usar a viatura todos os dias, pois não dá para ir trabalhar a pé, era o dia para andar abaixo e acima, mas gosto de dar meu passeio a pé.Beijinhos amiga

Papoila disse...

Querida Agulheta:
Não posso deslocar-me a pé para o meu local de trabalho (fica a 25 km) mas olha que sempre que posso e nas deslocações rotineiras gosto de caminhar.
Resolvi foi diminuir a velocidade a que costumo dirigir, uma forma de economizar combustível...
Beijos

Agulheta disse...

Olá Salomé.
Pois quem o tenha de fazer,que remédio,neste momento por aqui não o fazemos,mas depois temos de ver como será.
Beijinho e bfs lisa

Agulheta disse...

Papoila.
Se todos fizerem o melhor! o planeta agradeçe,quem tiver que utilizar a viatura para o trabalho,pior ainda.
Beijinho doce Lisa

Carminda Pinho disse...

Lisa,
o teu contributo para melhor ambiente está dado.
Agora, cada um de nós, tem de o adaptar à sua forma de vida.
Eu por exemplo, não conduzo. Só ando de carro com o marido ou com os filhos, se for para longe.
Normalmente, ando a pé ou de transportes públicos.
Quanto aos sacos de plástico, deveriam ser os próprios supermercados a serem proíbidos de os distribuir, de outra forma, não vejo maneira de acabarem.
Bom fim de semana.
Beijos

Agulheta disse...

Carminda.
Da minha parte faço o possivél,assim fizessem todos,era muito bom.
beijinho Lisa