sexta-feira, fevereiro 29, 2008

Bom Fim semana


A liberdade está, nas
asas da borboleta o
desejo de olhar sentir,
o sabor da amizade, pois sem ela
o mundo não tem valores
Fica para todos os
que visitam este blog Agulheta

Podem levar!

Rabiscado por agulheta

Aves


Não se pode esperar que as aves sonhem
tragam de longe um desejo de pedra e de asas
e flutuem incólumes no vento dos homens
perfeitas no espaço do voo e das penas.
Os homens sonham e se atam ao nó da terra
um desejo de céu lhes destroí as entranhas
e suas asas são duras e inflexiveis
para conter o infinito o voo o espaço pleno.
E assim sonham os homens e as aves voam
na trilha do eterno em longa estirada
nos tempos caminhos (do amor) e da terra
e no dorso do céu onde solto o desejo
(e o peso da carne) se ata à esperança
e as asas se nutrem de nunca morrer
e se prendem e se perdem e se colhem: viver.


Álvaro Pacheco

quarta-feira, fevereiro 27, 2008

O Pequeno Bombeiro


A mãe, com apenas 26 anos, parou ao lado do leito
de seu filhinho de seis anos, que estava morrendo de leucemia.
Embora o coração dela estivesse pleno de tristeza e angústia,
ela também tinha um forte sentimento de determinação.
Como qualquer outra mãe, ela gostaria que seu filho crescesse
e realizasse seus sonhos. Agora, isso não seria mais possível,
por causa da leucemia terminal.
Mas, mesmo assim, ela ainda queria que o sonho de seu filho
se transformasse realidade.
Ela tomou a mão de seu filho e perguntou:

- Vitor, você alguma vez já pensou
o que você gostaria de ser quando crescer?
Você já sonhou o que gostaria de fazer com sua vida?

- Mamãe, eu quero ser um bombeiro.

A mãe sorriu e disse:

- Vamos ver se podemos transformar esse sonho em realidade.

Mais tarde, naquele mesmo dia,
ela foi ao corpo de bombeiros local,
na cidade BH, Minas Gerais onde se encontrou
com um bombeiro de enorme coração,
chamado Bob. Ela explicou a situação de seu filhinho de 6 anos,
seu último desejo
e perguntou se seria possível ele dar uma volta
no carro dos bombeiros em torno do quarteirão.

O bombeiro Bob disse:

- Veja, NÓS PODEMOS FAZER MAIS QUE ISSO!
Se você estiver com seu filho
pronto às sete horas da manhã, na próxima quarta-feira,
nós o faremos um bombeiro honorário por todo o dia.
Ele poderá vir para o quartel, comer conosco,
sair para atender as chamadas de incêndio
e se você nos der as medidas dele,
nós conseguiremos um uniforme verdadeiro para ele,
com chapéu, com o emblema de nosso batalhão,
um casaco amarelo igual ao que vestimos e botas também.
Eles são todos confeccionados aqui mesmo na cidade
e conseguiremos eles rapidamente.

Três dias depois, o bombeiro Bob pegou o garoto,
vestiu-o em seu uniforme de bombeiro
e escoltou-o do leito do hospital
até o caminhão dos bombeiros.
Vitor, ficou sentado na parte de trás do caminhão,
e foi levado até o quartel central. Ele estava no céu.
Ocorreram três chamados naquele dia na cidade de BH
e VITOR acompanhou todos os três.
Em cada chamada ele foi em veículos diferentes:
no caminhão tanque, na van dos paramédicos
e até no carro especial do chefe do corpo de bombeiros.
Ele também foi filmado pelo programa de televisão local.

Tendo seu sonho realizado,
todo o amor e atenção que foram dispensadas
a ele acabaram por tocar Vitor,
tão profundamente que ele viveu três meses
mais que todos os médicos haviam previsto.
Até que numa noite, todas as suas funções vitais
começaram a cair dramaticamente
e a enfermeira-chefe, que acreditava no conceito
de que ninguém deveria morrer sozinho,
começou a chamar ao hospital toda a família.
Então, ela lembrou do dia que Vitor
tinha passado como um bombeiro,
e ligou para o chefe
e perguntou se seria possível enviar algum bombeiro
para o hospital naquele momento de passagem,
para ficar com Vitor.

O chefe dos bombeiros respondeu:

- NÓS PODEMOS FAZER MAIS QUE ISSO!
Nós estaremos aí em cinco minutos, e,
faça-me um favor, quando você ouvir as sirenes
e ver as luzes de nossos carros,
avise no sistema de som que não se trata de um incêndio.
É apenas o corpo de bombeiros vindo visitar,
mais uma vez, um de seus mais distintos integrantes.
E você poderia abrir a janela do quarto dele? Obrigado!

Cinco minutos depois,
uma van e um caminhão com escada Magirus
chegaram no hospital,
estenderam a escada até o andar onde estava o garoto
e 16 bombeiros subiram pela escada até o quarto de Vitor.
Com a permissão da mãe, eles o seguraram, abraçaram e
falaram para ele o quanto eles o amavam.

Com um sopro final, Vitor olhou para o chefe e perguntou:

- Chefe, eu sou mesmo um bombeiro?

- Vitor, você é um dos melhores. - Disse o chefe.

Com estas palavras, Vitor sorriu
e fechou seus olhos pela última vez.

E você, diante do pedido de seus amigos,
filhos e parentes, tem respondido
"EU POSSO FAZER MAIS QUE ISSO!".
Reflita se sua vida tem sido em serviço ao
próximo, e tome uma decisão hoje mesmo.

(Esta história é verídica)
Autoria Desconhecida


Rabiscado por Agulheta

segunda-feira, fevereiro 25, 2008

Prémios


Das minhas queridas amigas do blog Sophiamar e o cheirodailha e forum-cidadania aos quais vou colocar os links para os visitar. Elas são.

http://forum-cidadania.blogspot.com/

http://sophiamar.blogspot.com/

http://ocheirodailha.blogspot.com/:


Para além de serem umas amigas que guardo no coração,pela forma e carinho com que recebem os amigos,as suas palavras,pelas causas que defendem e por tudo o mais,que gosto delas... Por quê! o meu coração sente e sabe, para vós deixo amizade aqui deste lado.Agora teria de nomear,mas vejo que muitas já o tem,por isso podem levar os amigos que regularmente visitam este blog e são os amigos comuns de ambas as partes.Beijinho para todos Agulheta

Rabiscado por Agulheta

sexta-feira, fevereiro 22, 2008

Desafio


A amiga Maria,do (blog ocheirodailha) e do (blog As Sombras de Fim do Dia)
para escrever doze palavras que para mim farão mais sentido,pois como algumas destas aqui descritas são das mais importantes aqui vai:

Horizontes---Procurar a verdade e justiça,mesmo que ela doía,mas pela frente vejo,gente sem sentido e vazias de tudo...ou quase.

Amor: Sempre sem olhar a quem e dar sobretudo,ele nos leva a loucura e limites,mas quem não gosta de amar!

Esperança: Por um mundo melhor,sem guerra fome injustiça,onde partilhar seja um constante.

Felicidade: Querer acreditar que algo mude,sempre para melhor,para tornar felizes os que menos tem.

Solidariedade: Estender as mãos a quem de nós necessita e dar ajuda,as crianças aos idosos,que tão maltratados são pela sociedade.

Saúde. Pois sem ela não podemos ajudar,trabalhar e sorrir

Paz: Que os povos sejam unidos,no amor e na fraternidade.

Caminho: Aquele que percorremos todos os dias,quando nos levantamos da cama,temos de enfrentar o desgaste,o chefe mal humorado,o professor e muita coisa mais.

Consciência: Aquela que ouvimos algumas vezes,que tomamos as decisões,sejam boas ou más.

Voluntariado: Para mim algo sagrado,aquele que dou sem pedir nem receber mas de coração

Madrugada: Onde encontro os sonhos,alguns realizados,outros ainda esperando que os mesmos sejam

Liberdade: Uma grande definição da palavra,que amo como o ar que respiro,onde os pensamentos são meus e de mais ninguém,mesmo que esse alguém seja para impor o que for capaz,pelo medo e força,molhar os pés no mar e sentir a brisa como um marinheiro numa longa viagem

Agora tenho de passar o desafio a estes amigos que vem a seguir,que estão nesta foto postada.
Como a agua é um dom de beleza e pureza aqui fica a foto,se quiserem levem

Rabiscado por Agulheta

quarta-feira, fevereiro 20, 2008

Amarras


Solta as ideias, amarras, raízes que teu coração tem. Não deixes morrer os sentidos a tua esperança, mesmo pequena, luta pela verdade segue o caminho... nunca te amedrontres, com coisas que não tem importância.
Estende tua mão de carinho, de amor e um pouco de ti, agarra em teus braços como se fosse um leme de um belo barco de esperança e fraternidade e, faz deste mar... um coração livre de preconceitos de verdade e amizade teu irmão precisa de ti companheiro, senão vê como sofre as injustiças e dramas, que alguns lhe impõe a sua sorte, só tu podes vencer este medo de luta... mas vence mesmo que seja um rochedo! Bate nele fortemente, como se uma onda te leva-se, mas luta contra sempre, pela paz a igualdade e oportunidade; só assim serás pessoa de verdade

Rabiscado por Agulheta

segunda-feira, fevereiro 18, 2008

Pesca Predatória


Muitos ecologistas marinhos acreditam que a maior ameaça aos ecossistemas marinhos nos dias de hoje seja a pesca em excesso. Nosso apetite por peixe está excedendo os limites ecológicos dos oceanos, com impactos devastadores em muitos ecossistemas. Os cientistas advertem que o excesso de pesca resulta em profundas alterações nos oceanos, mudando-os talvez para sempre. Sem mencionar nossa refeição de cada dia - no futuro, um prato de sardinhas poderá ser considerado uma iguaria cara e rara.

Mais freqüentemente do se imagina, a indústria da pesca ganha acesso a grupos de peixes antes que o impacto da pesca seja estimado. De qualquer modo, os regulamentos da indústria de pesca são tremendamente inadequados.

A realidade da pesca moderna é que a indústria é dominada por frotas de pesqueiros que não dão chance à natureza de repor as espécies. Navios gigantescos usando sonares de busca de última geração podem apontar com precisão cardumes de peixes. Os navios são equipados para que funcionem como verdadeiras fábricas flutuantes – incluindo linhas de produção, processamento e embalagem de peixes, imensos sistemas de refrigeração e motores poderosos para arrastar equipamentos pesados através do oceano. Ou seja: o peixe não tem chance.

Greenpeace


Rabiscado por Agulheta

sexta-feira, fevereiro 15, 2008

A Vida


Muitos de nós pensamos! que tudo é eterno,mas não a vida é feita de aventuras desilusões e desventuras,poderia-mos pensar um pouco mais nos outros,dizer que a vida seria melhor mais fraterna e mais pura,pois num simples estalar de dedos,tudo se esfuma a nossa volta,nada mais sobra,vamos dar valor a pequenas coisas,como a frase a seguir,ele terá razão para esta frase.

Frase

A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.
Charles Chaplin

quinta-feira, fevereiro 14, 2008

Meme de S. Valentim


A amiga Maria,do blog (ocheirodailha)me fez um desafio que seria o meme de S. Valentim: Que seria depois de o receber passaria a dez,sendo que o meme deverá terminar amanhã, dia 14, à meia noite.


Mas hoje não vai ser possivél isto,pois faleceu uma pessoa de família,peço desculpa mas fica a intenção deste meme,para todos um bom dia de S. Valentim com beijinho de amizade se amem muito pois pelo amor vale tudo

Rabiscado por Agulheta

segunda-feira, fevereiro 11, 2008

Amizade


Como os comentários feitos, nestes blogs não entram directos e só depois de fazer a visita aos mesmos,como nestes comentários aqui deixados,são amigas que adoro de fazer visita regularmente,e muitas tem muito em comum comigo, aqui vou deixar um miminho para elas,cheguei a pouco do meu tratamento e aqui estou a falar um pouco com vós
Como são senhoras todas!!! só posso dizer e oferecer flores de amizade Lisa

domingo, fevereiro 10, 2008

Eu sou Assim... e Tu


Desafio de uma querida amiga…que muito gosto, a Carminda http://forum-cidadania.blogspot.com/ e da Maria http://ocheirodailha.blogspot.com/


Será um pouco para falar de mim, pois como para falar de nós só os outros o poderão dizer, mas vou tentar descrever como é e sou.

1º Nasci na Maternidade de Júlio Dinis na cidade do Porto, onde cresci e morei na zona de Arca de Agua, adoro a minha cidade mas não moro lá pois casei e vim para Fafe terra minhota bonita e hospitaleira,gosto de vestir prática,jeanes de preferência e t-shirt

2º Sou amiga do meu amigo, não suportando traição de gente sem escrúpulos, gosto das pessoas transparentes e francas, simples e sinceras. Não gosto de pessoas pela frente umas, nas costas outras, como boa Sagitário que sou, signo fogo, quando me zango vai tudo a frente, para quando o fogo acalmar o coração, dá tudo partilha e ajuda

3º Sou a filha mais velha, de quatro irmãos onde sempre ajudei a minha mãe, que era muito doente, vi minha mãe sofrer numa altura, em que tinha sete anos e vi entrar pela porta dentro a PIDE) para levar preso o meu pai, jurei para mim mesmo, que jamais alguém deitaria o jugo em cima de mim, pois o País que eu idealizei para este povo! O meu, não seria este que nos destinaram, o pobre cada vez é mais pobre

4º Sou uma aficionada pela dança, pratico danças de salão social e não de competição, gosto de ler escrever as palavras, que muitas vezes ficam na garganta e pensamento, ver um bom filme que me toque o coração, gosto de pesca desportiva onde pratico junto com o marido sempre que dá, tudo que pescamos oferecemos a quem quer, e gosta

5º Sou bombeira voluntária há 25 anos, tendo boas e más recordações, de ver gente sofrida, com muita dor, destruição pelo fogo, onde as palavras ficam entaladas na garganta para fugir para um canto na altura e chorar muito, vi colegas a partir e lutar por uma boa causa, onde muitos tudo fazem para destruir aos poucos

6º A família é meu regresso sempre acolhedor, em todas as horas eles estão e tiveram comigo, onde me aninho em seu regaço, a minha grande paixão o marido e filhos. Nas lides de casa não gosto de limpar o pó, os vidros mas tenho de fazer, gosto de cozinhar e dizem os meus e amigos que gostam dos cozinhados

7º Ajudar sempre enquanto eu poder, pois sempre que a sirene toca seja a que horas for lá vai esta mulher a correr, pelas escadas abaixo e entra no quartel a cem a hora esta a minha vida, adoro ser bombeira por paixão e coração.
Assim sou eu, sempre a teimar e nunca desistir

Agora para estes amigos passo a palavra
Papoila
Salomé
Chicahilheu
Cindamoledo
simplesmentemanuela
Amigonas
Fernanda

sexta-feira, fevereiro 08, 2008

Bom Fim de Semana


Amigos são como o vento: às vezes perto, outras longe, mas eternos em nossos corações. Sejam felizes cada um a seu modo mas sempre com fé e amizade e sinceridade,a foto podem levar e colocar eu ofereço

Rabiscado por Agulheta

quinta-feira, fevereiro 07, 2008

Montanha


Para estar bem consigo mesmo,não basta escalar Montanhas, mas sim abrir a janela de par em par, respirar pensar que nasceu um novo dia,como o coração transpira pela felicidade, pela esperança e pela paz.
Como uma linda sinfonia, que se canta em cada manhã.. como um sopro de ar fresco a bater na cara.
O colher da flor,no inicio da primavera,esta sim é o escalar de uma grande montanha,que é a felicidade e a paz,esta será a razão, do acordar em cada manhã.
Dizer sempre nasceu um belo dia, estou vivo e feliz... nesta Montanha que é a vida


Rabiscado por Agulheta

terça-feira, fevereiro 05, 2008

Amizade Sempre


Por muitas espaços,que corremos muitos não se comparam e este simples quadro de escrita,mas feito com coração e amizade,muitas vezes nos falta palavras, para dizer o que nos vai no peito e na alma... Estas serão as palavras amigas deixadas por outros amigos,que estão do outro lado,não sabemos quem é a cor dos seus olhos,dos cabelos,mas que nos habituamos admirar e respeitar,pelas suas convicções e opiniões,outras vezes não podemos no mesmo espaço agradecer,só na visita aos seus.
Mas hoje quero deixar amizade alegria e tudo o mais que todos sejam felizes a sua maneira a estas amigas
Sophia- Fernanda & Poemas- Carminda- Luísa-Papoila-Manuela
Beijinho doce e bom carnaval,se for o caso,para vós flores que são aquilo que se ofereçe com amizade. Lisa


Rabiscado por Agulheta

sábado, fevereiro 02, 2008

Eu Sou


Eu sou! O tempo, que não tem tempo
Sou do tempo sem medida, vento a escuridão.
Mas tenho um imenso coração, tem amor,
Desamor e desilusão, mas ama de paixão

Por vezes sou tempestade e noites frias
Sou lembranças minhas, e descansa.
Em colo de esperança, tem dias!
Outro sou a água de um ribeiro,

Que corre brava em dias de Janeiro
Aquela, que caio e levanto teima.
Sou livre ou queria ser! No terreiro
Queimo de fogo, tem dor e AMOR

Lisa
Rabiscado por Agulheta